terça-feira, 22 de novembro de 2011

Leite-creme


A minha primeira experiência com leite-creme não correu lá muito bem. Deixei o creme tempo demais ao lume e ficou com grumos. Mas como não sou pessoa de desistir de uma receita à primeira, voltei a experimentar agora com esta e o resultado já foi mais satisfatório. O creme ficou muito bem, só preciso mesmo é de aperfeiçoar o queimar. Como não tinha maçarico, improvisei com o que tinha em casa – um ferro das filhós aquecido ao lume. A próxima experiência é voltar a fazer a primeira receita, a tal que saiu com grumos, e utilizar a minha mais recente aquisição: um maçarico todo xpto de cor fúchsia!

Ingredientes
1 lata de leite condensado
1 litro de leite
2 gemas
4 colheres de sopa de farinha maizena

Preparação
Num tacho, colocar o leite condensado, a farinha e as gemas, previamente batidas juntamente com o leite, e misturar tudo muito bem com uma vara de arames. Em lume brando ir sempre mexendo com a vara de arames, até começar a ferver, desligando de seguida o lume. Colocar o leite em tigelas ou numa travessa e deixar arrefecer. Na hora de servir, polvilhar com açúcar baunilhado e queimar com um ferro próprio ou um maçarico.

2 comentários :

  1. Assim como de uma lagarta nasce uma linda borboleta, também do teu leite-creme com grumos nasceu outro bem melhor. As transformações que se operam numa cozinha são muito idênticas às da natureza :p

    ResponderEliminar
  2. Somi,
    Ficou com um aspecto lindo o teu leite-creme... Gostei do desenho da borboleta : ) Ainda bem que não desistis-te ou não via esta delicia.

    Beijinhos!

    ResponderEliminar