segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Coelho à moda da minha mãe


Para mim, esta é a melhor receita de coelho com arroz de ervilhas, feita naturalmente pela minha mãe. O mérito não é meu, apenas ajudei a confeccionar, mas posso garantir que é fantástica. Asseguro-vos que, apesar de levar sangue, não fica com o sabor do mesmo.
No entanto, é normal que nem todos consigam arranjar um coelho vivo, para poderem aproveitar o sangue. Nesse caso, adicionem um copo de bom vinho tinto: o sabor não fica igual, mas é uma boa alternativa. Bom apetite!

Ingredientes (6 doses)
1 coelho
Sangue do coelho
2 cebolas
2 dentes de alho
½ copo de vinho branco
2 folhas de louro
3 tomates maduros
Sal q.b.
Pimentão q.b.
Azeite q.b.
1 raminho de cheiros com salsa e hortelã
1 ½ chávena de arroz
2 chávenas de ervilhas
2 chávenas de água de cozer as ervilhas

Preparação
Matar o coelho e reservar o sangue, adicionando-lhe uma colher de sopa de vinagre para que este não coalhe. Partir o coelho em pedaços e temperar com as cebolas picadas finamente, os alhos picados, o louro, o vinho, o sangue, os tomates limpos e picados, o pimentão, sal e regar com bastante azeite. Colocar o raminho de cheiros, atado com cordão de cozinha, entre a carne. Levar a lume brando cerca de uma hora, mexendo de vez em quando.
Cozer as ervilhas em bastante água e reservar. Num tacho, colocar uma chávena e meia da água de cozer as ervilhas e, quando estiver a ferver, adicionar o arroz lavado e mais uma chávena do molho de cozinhar a carne e as ervilhas. Quando o arroz estiver quase cozido, desligar o fogão e deixar o arroz tapado cerca de 10 minutos, para finalizar a cozedura.

2 comentários :

  1. Gosto imenso de coelho, vou registar esta receita para experimentar!

    ResponderEliminar
  2. Que belo coelhinho, não é carne que goste muito mas adorei o aspecto. Bjs

    ResponderEliminar